Camões III,

José de Guimarães

"Olhai de que esperanças me mantenho!

Vede que perigosas seguranças!

Pois não temo contrastes nem mudanças,

Andando em bravo mar, perdido o lenho."

                              Camões

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now